quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Ativados novos trechos de ciclovias no Centro e nas zonas Sul e Leste da cidade

Na terça-feira (6) foram ativados novos trechos de ciclovias com 3,6 quilômetros localizados no Centro e nas regiões Sul e Leste da cidade.
Com estas novas ativações a cidade passa a contar com 498,4 quilômetros de vias destinadas aos ciclistas. Do total da infraestrutura cicloviária existente na cidade, foram ativados 400,1 quilômetros, desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 68 km de ciclovias e 30,3 km de ciclorrotas.

Novos Trajetos

Ciclovia Viaduto 25 de Março, com 1,0 quilômetro de extensão, entre a Praça da Sé e o Viaduto 25 de Março. O percurso é unidirecional, possibilitando a conexão com estação Sé do Metrô e com as ciclovias das ruas Benjamim Constant, da Figueira e 21 de Abril e a da Avenida Rangel Pestana.

Ciclovia Viaduto 25 de Março


Ciclovia Bosque da Saúde, com 1,0 quilômetro de extensão, entre a Rua Caramuru e a Avenida Professor Abraão de Morais. O percurso é bidirecional, ao lado do meio fio, na faixa da esquerda, no sentido da Avenida Jabaquara para a Avenida Professor Abraão de Morais.

Ciclovia Bosque da Saúde


Ciclovia Arraias do Araguaia, com 1,6 quilômetros de extensão, entre as avenidas Aricanduva e Barreira Grande. O percurso é bidirecional, junto ao rio em área confinada entre a Avenida Aricanduva e Avenida Rio das Pedras; na pista entre a Avenida Rio das Pedras e Rua Acurama e junto à calçada entre a Rua Acurama e Avenida Barreira Grande.

Ciclovia Arraias do Araguaia


segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Novos trechos de ciclovias com 4,4 km nas zonas Norte e Leste da Cidade

 Desde sábado(3) novos trechos de ciclovias localizados nas regiões de Santana e Vila Matilde, Zonas Norte e Leste da Cidade foram ativados. A  partir desta ativação, a cidade passa a contar com 494,2 km de vias destinadas aos ciclistas.

Do total da infraestrutura cicloviária existente na cidade, foram entregues 395,9 km desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 68 km de ciclovias e 30,3 km de ciclorrotas.

Novos trajetos

Ciclovia da Rua Santa Eulália, com 500 metros de extensão, entre as avenidas Santos Dumont e Cruzeiro do Sul. O percurso é unidirecional, ao lado do canteiro central, possibilitando a conexão com as ciclovias Santos Dumont, Zaki Narchi e Cruzeiro do Sul.

Ciclovia da Rua Santa Eulália

Ciclovia Gamelinha, com 3,9 km de extensão, formada pelas avenidas Doutor Bernardino Brito Fonseca de Carvalho e Professor Edgar Santos, no trecho entre as avenidas Antonio Estevão de Carvalho (Radial Leste) e Itaquera. O percurso é unidirecional, ao lado do canteiro central (córrego Gamelinha), na faixa da esquerda, possibilitando a conexão com a ciclovia Caminho Verde da Avenida Radial Leste.

Ciclovia Gamelinha

Regiões do Brás e Catumbi têm novos trechos de ciclovia com 2,8 km

Desde sexta-feira (2) foram ativados novos trechos de ciclovias localizados nas regiões do Brás e Catumbi, no Centro-Leste da cidade. A partir da ativação destes dois trechos a cidade passa a contar com 489,8 km de vias destinadas aos ciclistas.

Do total da infraestrutura cicloviária existente na cidade, foram entregues 391,5 km desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 68 km de ciclovias e 30,3 km de ciclorrotas.

Novos trajetos

Ciclovia Vinte e Um de Abril, com 1,3 km de extensão, formada pelas ruas Doutor Almeida Lima, Vinte e Um de Abril e Bresser, região do Brás. O percurso é bidirecional, ao lado da calçada, possibilitando a conexão com a ciclovia da Avenida Rangel Pestana, e no futuro com a ciclovia do Viaduto Bresser, até a ciclovia da Rua Taquari.
Ciclovia Vinte e Um de Abril

Ciclovia Paulo Andrighetti, com 1,5 km de extensão, formada pelas ruas Silva Teles e Paulo Andrighetti, Praça Gen. Humberto de Souza Mello, Rua Jequitinhonha e Avenida Guilherme Cotching. O percurso é bidirecional, ao lado da calçada, possibilitando a conexão cicloviária entre as regiões do Pari e da Vila Maria, por meio da ciclovia da Ponte Jânio Quadros.

Ciclovia Paulo Andrighetti


Ativados novos trechos de ciclovia com 4,1 km nas regiões Norte e Sul da cidade

Deste sexta-feira (2) foram ativados dois novos trechos de ciclovias localizadas na Freguesia do Ó e Pirituba, região Norte, e Capão Redondo, região Sul da cidade. A partir da ativação destes dois novos trechos, a cidade passa a contar com 489,8 km de vias destinadas aos ciclistas.

Do total da infraestrutura cicloviária existente na cidade, foram entregues 391,5 km desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 68 km de ciclovias e 30,3 km de ciclorrotas.

Novos trajetos

Ciclovia Edgar Facó, com 1,6 km de extensão, nas avenidas General Edgar Facó e Fuad Lutfalla, entre as ruas Paula Ferreira e Manuel Barbosa. O percurso é bidirecional, sobre o canteiro central, possibilitando a conexão com as ciclovias das avenidas Ministro Petrônio Portela e Fuad Lutfalla.

Ciclovia Edgar Facó
   
Ciclovia Carlos Caldeira Filho, com 2,5 km de extensão, formada pelas avenidas Dr. Telêmaco Hippolyto de Macedo Van Langendonck, e Rua Padre José Jambeiro. O percurso possui trecho unidirecional, junto ao canteiro central, e bidirecional, ao lado da calçada, possibilitando a conexão com as estações Capão Redondo e Campo Limpo do Metrô, e com o Terminal de ônibus Capelinha.

Ciclovia Carlos Caldeira Filho