sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Avenida Paulista será aberta para pedestres e ciclistas no domingo (25/10), a partir das 13 horas

No próximo domingo (25/10), por conta da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), a Avenida Paulista será aberta para pedestres, ciclistas e demais usuários das 13h00 às 17h00. A liberação acontecerá entre a Praça Osvaldo Cruz e a Rua da Consolação, em ambos os sentidos, sempre aos domingos. A ciclovia e ciclofaixa de lazer funcionarão normalmente.

A CET ficará responsável pelo trabalho operacional do trânsito na região para garantir o fluxo viário e a segurança dos moradores e pedestres. A travessia da região da Bela Vista e Cerqueira César para os Jardins, e vice-versa, poderá ser realizada pela Rua da Consolação, Avenida Brigadeiro Luis Antonio e Rua Treze de Maio.

A medida faz parte da Operação Rua Aberta, da Prefeitura Municipal. Trata-se de uma ação conjunta da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Coordenação de Subprefeituras.

Rotas alternativas

Com as interdições previstas para a realização do evento, a partir das 13h00, estarão sendo orientados os seguintes caminhos alternativos:

Avenida Paulista (Sentido Paraíso/Consolação): Avenida Bernardino de Campos, Rua Treze de Maio, Rua Cincinato Braga, Rua São Carlos do Pinhal, Rua Antônio Carlos e Rua da Consolação.

Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso): Alameda Santos.

Faixas de serviços

Também serão ativadas faixas de serviços aos motoristas nos seguintes locais:

Hospital Santa Catarina: Avenida Paulista (Sentido Paraíso/Consolação) no trecho entre a Rua Treze de Maio e Rua Teixeira da Silva (veja croqui abaixo).
Paulista 1
Club Homs: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) no trecho entre a Alameda Joaquim Eugênio de Lima e Avenida Brigadeiro Luís Antônio (veja croqui abaixo).
Paulista 2

Hotel Ibis: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) no trecho entre a Rua Bela Cintra e Rua Haddock Lobo. Hotel Meliá: Rua Augusta (Sentido Centro-Bairro) entre o numeral 1.806 e a Alameda Santos (veja croqui abaixo).
Paulista 3
Conjunto Nacional: Rua Padre João Manuel com saída para a Alameda Santos (veja croqui abaixo).Paulista 4
Edifício Milan e Saint Honoré: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) entre a Rua Pamplona e Alameda Campinas (veja croqui abaixo).
 Paulista 5
Transporte coletivo

Os ônibus que utilizam a Avenida Paulista como itinerário deverão seguir as rotas alternativas, destacadas acima.

Os ônibus que utilizam Avenida Brigadeiro Luís Antônio não sofrerão alteração, tendo em vista que este cruzamento estará aberto para cruzar a Avenida Paulista.

Equipe operacional

A operação de trânsito será monitorada por dois gestores e 28 agentes de campo, que serão responsáveis pela execução dos bloqueios, monitoramento, liberação das vias ao término do evento, operação nos principais pontos de bloqueios e corredores alternativos.

Além disso, serão utilizados 200 cavaletes, 21 faixas/banners de orientação aos usuários da região e público, 30 supercones e 10 rolos de fitas.

Recomendações ao público

Utilize o transporte público (metrô/ônibus/táxi) pois a oferta de estacionamento na região é restrita.

Os ônibus serão desviados para a Alameda Santos e Rua São Carlos do Pinhal. Acesse o site da SPTrans para mais informações sobre as linhas e itinerários que transitam na região.

Respeite a sinalização de trânsito. Não estacione em locais canalizados com cones e cavaletes. Não transponha bloqueio, sujeito ao enquadramento 606-81, artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), “transpor bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivo auxiliares”, é infração grave com ônus de 05 pontos na Carteira de Habilitação.

A Engenharia de Campo da CET vai monitorar e orientar o tráfego na região, visando melhorar as condições de trânsito e preservar a segurança de pedestres e motoristas.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atende 24 horas por dia para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

CET implanta redução de velocidade máxima em mais 5 vias na Zona Sul, a partir de quarta-feira (28/10)

Logotipo Programa de proteção ao Pedestre (PPV)
A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) implantará, a partir da próxima quarta-feira (28/10), a redução de velocidade máxima para 50 Km/h em 5 vias da capital. As alterações acontecerão no corredor formado pelas avenidas Roque Petroni Júnior, Professor Vicente Rao e Vereador João de Luca, Rua Juan de La Cruz e Avenida Cupecê, na zona sul. Atualmente, a velocidade permitida nessas vias é de até 60 km/h.
 
A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do Programa de Proteção à Vida (PPV). Serão instalados faixas e painéis informativos para orientar os motoristas sobre as mudanças e utilizadas 149 placas de sinalização.

O Programa de Proteção à Vida foi iniciado em 2013 e busca a redução de acidentes e atropelamentos na cidade ampliando uma série de ações para segurança de todos os agentes do trânsito, especialmente os pedestres. A iniciativa inclui várias frentes como o CET no Seu Bairro, a implantação de Áreas 40, da Frente Segura (bolsões de parada junto aos semáforos para motociclistas e bicicletas), das faixas de pedestres diagonais em cruzamentos de grande movimento e da redução de velocidade máxima para o padrão de 50 km/h nas vias arteriais. Também foram revitalizados os semáforos de 4.537 cruzamentos na cidade. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários do sistema viário, buscando a convivência pacífica entre todos.

Alterações no Sistema Viário

Avenida Roque Petroni Júnior - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre as avenidas Nações Unidas e Santo Amaro (trecho com 1,5 km de extensão).

Avenida Professor Vicente Rao - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre as avenidas Santo Amaro e Washington Luís (trecho com 2,5 km de extensão).

Avenida Vereador João de Luca - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Avenida Washington Luís e Rua Juan de La Cruz (trecho com 2,1 km de extensão).

Rua Juan de La Cruz - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre as avenidas Vereador João de Luca e Cupecê (trecho com 0,6 km de extensão).

Avenida Cupecê - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Rua Juan de La Cruz e a Avenida Senador Vitorino Freire – divisa com Diadema (trecho com 3,5 km de extensão).
 
A Engenharia de Campo da CET vai acompanhar o desempenho da nova medida e intensificar o monitoramento do trânsito nessas regiões.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atendimento 24 horas para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

Avenida Luiz Gushiken será aberta para pedestres e ciclistas no domingo (25/10) a partir das 13 horas

Por conta da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), no próximo domingo (25/10) a Avenida Luiz Gushiken, na Zona Sul, será aberta para pedestres, ciclistas e demais usuários das 13h00 às 17h00.

A liberação acontecerá na Avenida Luiz Gushiken (sentido bairro) entre a Rua Frederico Grotte e a Rua José Barros Magaldi. O cruzamento da Rua Guilherme Valente junto a Avenida Luiz Gushiken estará liberado.

A CET ficará responsável pelo trabalho operacional do trânsito na região para garantir o fluxo viário e a segurança dos moradores e pedestres.

A medida faz parte da Operação Rua Aberta, da Prefeitura Municipal. Trata-se de uma ação conjunta da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Coordenação de Subprefeituras.

Rotas alternativas

Com as interdições previstas para a realização do evento, a partir das 13h00, estarão sendo orientados os seguintes caminhos alternativos:

- Avenida Guido Caloi, Avenida Guarapiranga, Estrada do M’ Boi Mirim, de onde se tem acesso para a Rua Guilherme Valente e também para a Rua José Barros Magaldi.

Transporte coletivo

Os ônibus que utilizam a Avenida Luiz Gushiken (Sentido Bairro) deverão utilizar a Avenida Guido Caloi, Avenida Guarapiranga e Estrada do M’ Boi Mirim como itinerário alternativo.

Equipe operacional

A operação de trânsito será monitorada por 01 gestor e 04 agentes de campo, que serão responsáveis pela execução dos bloqueios, monitoramento, liberação das vias ao término do evento, operação nos principais pontos de bloqueios e corredores alternativos.

Além disso, serão utilizados 30 cavaletes, 04 faixas/banners de orientação aos usuários da região e público, 05 supercones e 01 rolo de fitas.

Recomendações ao público

Utilize o transporte público (metrô/ônibus/táxi) pois a oferta de estacionamento na região é restrita.

Respeite a sinalização de trânsito. Não estacione em locais canalizados com cones e cavaletes. Não transponha bloqueio, sujeito ao enquadramento 606-81, artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), “transpor bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivo auxiliares”, é infração grave com ônus de 05 pontos na Carteira de Habilitação.

A Engenharia de Campo da CET vai monitorar e orientar o tráfego na região, visando melhorar as condições de trânsito e preservar a segurança de pedestres e motoristas.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atende 24 horas por dia para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

Rua Benedito Galvão será aberta para pedestres e ciclistas no domingo (25/10)

No próximo domingo (25/10) a Rua Benedito Galvão, na Zona Leste, será aberta para pedestres, ciclistas e demais usuários das 10h00 às 16h00. Diferentemente da Av. Luiz Gushiken, não haverá alteração de horário nessa via porque a realização da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) não afetará a programação no local.

A liberação acontecerá na Rua Benedito Galvão, entre a Rua Apetiribu e a Rua Taubaté, na altura da Praça Albino Francisco de Figueiredo. A ciclovia na Rua Taubaté funcionará normalmente.

A CET ficará responsável pelo trabalho operacional do trânsito na região para garantir o fluxo viário e a segurança dos moradores e pedestres.

Alterações no sistema viário

Os veículos que transitam pela Rua Benedito Galvão (sentido Rua Taubaté) deverão virar à direita na Rua Apetiribu, virar à esquerda na Praça Albino Francisco de Figueiredo e virar à direita acessando a Rua Taubaté.

Transporte coletivo

Não há trânsito de coletivos ao longo da Rua Benedito Galvão.

Equipe operacional

A equipe operacional da CET estará operacionalizando os bloqueios e desvios no local.

Recomendações ao público

Respeite a sinalização de trânsito. Não estacione em locais canalizados com cones e cavaletes. Não transponha bloqueio, sujeito ao enquadramento 606-81, artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): “transpor bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivo auxiliares” é infração grave, com ônus de 5 pontos na Carteira de Habilitação.

A Engenharia de Campo da CET vai monitorar e orientar o tráfego na região, visando melhorar as condições de trânsito e preservar a segurança de pedestres e motoristas.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atendimento 24 horas por dia para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

terça-feira, 20 de outubro de 2015

CET implanta redução de velocidade máxima em mais 3 vias nas zonas central, norte e sul, a partir de sexta-feira (23/10)

Logotipo do Programa de Proteção à Vida (PPV)
A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) implantará, a partir da próxima sexta-feira (23/10), a redução de velocidade máxima para 50 Km/h em 3 vias da capital. As alterações acontecerão na Avenida Doutor Arnaldo, na região central, na Avenida Jornalista Roberto Marinho e na Ponte Estaiada, na zona sul, e na Avenida João Simão de Castro, na zona norte. Atualmente, a velocidade permitida nessas vias é de até 60 km/h.
 
A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do Programa de Proteção à Vida (PPV). Serão instalados faixas e painéis informativos para orientar os motoristas sobre as mudanças e utilizadas 89 placas de sinalização.

O Programa de Proteção à Vida foi iniciado em 2013 busca a redução de acidentes e atropelamentos na cidade ampliando uma série de ações para segurança de todos os agentes do trânsito, especialmente os pedestres. A iniciativa inclui várias frentes como o CET no Seu Bairro, a implantação de Áreas 40, da Frente Segura (bolsões de parada junto aos semáforos para motociclistas e bicicletas), das faixas de pedestres diagonais em cruzamentos de grande movimento e da redução de velocidade máxima para o padrão de 50 km/h nas vias arteriais. Também foram revitalizados os semáforos de 4.537 cruzamentos na cidade. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários do sistema viário, buscando a convivência pacífica entre todos.

Alterações no Sistema Viário

Avenida Doutor Arnaldo - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Rua Heitor Penteado e o Viaduto Okuhara Koei (trecho com 1,5 km de extensão).

Avenida Jornalista Roberto Marinho / Ponte Octavio Frias de Oliveira - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Marginal Pinheiros e a Avenida Doutor Lino de Moraes Leme (trecho com 6,8km de extensão).

Avenida João Simão de Castro - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Praça Lourenço de Bellis e o acesso à Rodovia Fernão Dias – divisa com Guarulhos (trecho com 1,4 km de extensão).

A Engenharia de Campo da CET vai acompanhar o desempenho da nova medida e intensificar o monitoramento do trânsito nessas regiões.