sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Avenida Paulista será aberta para pedestres e ciclistas no domingo (18/10)

A partir do próximo domingo (18/10), a Avenida Paulista será aberta para ciclistas e pedestres das 9h às 17h. A liberação acontecerá entre a Praça Osvaldo Cruz e a Rua da Consolação, em ambos os sentidos, sempre aos domingos. A ciclovia e ciclofaixa de lazer funcionarão normalmente.

A CET ficará responsável pelo trabalho operacional do trânsito na região para garantir o fluxo viário e a segurança dos moradores e pedestres.

A travessia da região da Bela Vista e Cerqueira César para os Jardins, e vice-versa, poderá ser realizada pela Rua da Consolação, Avenida Brigadeiro Luis Antonio e Rua Treze de Maio.

A medida faz parte da Operação Rua Aberta, da Prefeitura Municipal. Trata-se de uma ação conjunta da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Coordenação de Subprefeituras.

Como rota alternativa, os motoristas serão orientados a buscar os seguintes acessos:

Avenida Paulista (Sentido Paraíso/Consolação): Avenida Bernardino de Campos, Rua Treze de Maio, Rua Cincinato Braga, Rua São Carlos do Pinhal, Rua Antônio Carlos e Rua da Consolação.

Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso): Alameda Santos.

Também serão ativadas faixas de serviços aos motoristas nos seguintes locais:

Hospital Santa Catarina: Avenida Paulista (Sentido Paraíso/Consolação) no trecho entre a Rua Treze de Maio e Rua Teixeira da SilvaCroqui da Avenida Paulista indicando entrada do Hospital Santa Catarina

Club Homs: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) no trecho entre a Alameda Joaquim Eugênio de Lima e Avenida Brigadeiro Luís Antônio
Croqui da Avenida Paulista indicando entrada do Club Homs

Hotel Ibis: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) no trecho entre a Rua Bela Cintra e Rua Haddock Lobo (veja croqui número abaixo).
Hotel Meliá: Rua Augusta (Sentido Centro-Bairro) entre o numeral 1.806 e a Alameda Santos
Croqui da Avenida Paulista indicando entrada dos hotéis Ibis e Meliá
Conjunto Nacional: Rua Padre João Manuel com saída para a Alameda Santos
Croqui da Avenida Paulista indicando entrada do Conjunto Nacional

Edifício Milan e Saint Honoré: Avenida Paulista (Sentido Consolação/Paraíso) entre a Rua Pamplona e Alameda Campinas
Croqui da Avenida Paulista indicando entrada do edifício Milan e Saint Honoré
Transporte coletivo

Os ônibus que utilizam a Avenida Paulista como itinerário deverão seguir as rotas alternativas, destacadas acima no release.

Os ônibus que utilizam Avenida Brigadeiro Luís Antônio não sofrerão alteração, tendo em vista que este cruzamento estará aberto para cruzar a Avenida Paulista.

Os ônibus que utilizam a Rua Augusta deverão seguir o itinerário proposto pela SPTrans:

Rua Augusta (sentido Bairro-Centro): Rua Augusta, Alameda Jaú, Avenida Rebouças (sentido Bairro-Centro), Rua da Consolação (sentido Bairro-Centro) e Viaduto Nove de Julho.

Rua Augusta (sentido Centro-Bairro): Rua Augusta, Rua Antônio Carlos, Rua da Consolação (sentido Centro-Bairro), Complexo Viário Paulista, retorno Avenida Rebouças, Alameda Santos e Rua Augusta.

Equipe operacional

A operação de trânsito será monitorada por dois gestores e 28 agentes de campo, que serão responsáveis pela execução dos bloqueios, monitoramento, liberação das vias ao término do evento, operação nos principais pontos de bloqueios e corredores alternativos.

Além disso, serão utilizados 200 cavaletes, 21 faixas/banners de orientação aos usuários da região e público, 30 supercones e 10 rolos de fitas.

Recomendações ao público

Utilize o transporte público (metrô, ônibus, táxi) pois a oferta de estacionamento na região é restrita.

Os ônibus serão desviados para a Alameda Santos e Rua São Carlos do Pinhal. Acesse o site da SPTrans para mais informações sobre as linhas e itinerários que transitam na região.

Respeite a sinalização de trânsito. Não estacione em locais canalizados com cones e cavaletes. Não transponha bloqueio, sujeito ao enquadramento 606-81, artigo 209 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), “transpor bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivo auxiliares”, é infração grave com ônus de 05 pontos na Carteira de Habilitação.

A Engenharia de Campo da CET vai monitorar e orientar o tráfego na região, visando melhorar as condições de trânsito e preservar a segurança de pedestres e motoristas.

Fale com a CET - Ligue 1188. Atende 24 horas por dia para informações de trânsito, ocorrências, reclamações, remoções e sugestões.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

CET implatará redução de velocidade máxima em mais 3 vias, a partir de quarta-feira (dia 21/10)

Logotipo Programa de Proteção à Vida (PPV)
A Companhia de Engenharia de Tráfego implantará, a partir de quarta-feira (21/10) redução de velocidade máxima nas avenidas Prof. Francisco Morato, Nossa Senhora do Sabará e Emérico Richter, que será regulamentada para 50 km/h. A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do “Programa de Proteção à Vida”. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários mais vulneráveis do sistema viário, pedestres e ciclistas, buscando a convivência pacífica e a redução de acidentes e atropelamentos na área.

 Programa de Proteção à Vida foi iniciado em 2013 e busca a redução de acidentes e atropelamentos na cidade ampliando uma série de ações para segurança de todos os agentes do trânsito, especialmente os pedestres. A iniciativa inclui várias frentes como o CET no Seu Bairro, a implantação de Áreas 40, da Frente Segura (bolsões de parada junto aos semáforos para motociclistas e bicicletas), das faixas de pedestres diagonais em cruzamentos de grande movimento e da redução de velocidade máxima para o padrão de 50 km/h nas vias arteriais. Também foram revitalizados os semáforos de 4.537 cruzamentos na cidade. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários do sistema viário, buscando a convivência pacífica entre todos.

Alterações no Sistema Viário

  • Av. Prof.  Francisco Morato - Redução da velocidade máxima permitida de 60 km/h para 50 km/h (5,5 km).
  • O trecho da Av. Prof. Francisco Morato entre a Rua Dr. Luiz Migliano e a Rua José Félix (Divisa com o Município de Taboão da Serra) manterá a velocidade máxima regulamentada existente (50 km/h), devido à curva existente.
  • Nossa Senhora do Sabará e Emérico Richter - Regulamentação de velocidade máxima permitida de 50 km/h nas avenidas  num total de 6,2 quilômetros.
  • Na Av. Emérico Richter será mantida a velocidade máxima permitida de 30 km/h nos trechos com lombadas, a saber: Sentido B/C: entre a Estrada do Alvarenga e a Rua Santa Úrsula; Sentido C/B: entre a Av. Nossa Senhora do Sabará e a Estrada do Alvarenga.
A Engenharia de Campo da CET vai acompanhar o desempenho da nova medida e orientar o tráfego na região.

terça-feira, 13 de outubro de 2015

CET implantará, a partir da sexta-feira (16/10), redução de velocidade em vias do eixo Butantã-Centro

Logotipo Programa de Proteção à Vida (PPV)
A Companhia de Engenharia de Tráfego implantará, a partir de sexta-feira (16/10), redução de velocidade na Av. Rebouças, Túnel Fernando Vieira de Melo, Av. Eusébio Matoso e Av. Francisco Morato, onde será regulamentada a velocidade máxima de 50 km/h. Anteriormente, a velocidade permitida era de até 60 km/h. A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do Programa de Proteção à Vida (PPV). Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários mais vulneráveis do sistema viário, pedestres e ciclistas, buscando a convivência pacífica e a redução de acidentes e atropelamentos na área.

O Programa de Proteção à Vida foi iniciado em 2013 e busca a redução de acidentes e atropelamentos na cidade ampliando uma série de ações para segurança de todos os agentes do trânsito, especialmente os pedestres. A iniciativa inclui várias frentes como o CET no Seu Bairro, a implantação de Áreas 40, da Frente Segura (bolsões de parada junto aos semáforos para motociclistas e bicicletas), das faixas de pedestres diagonais em cruzamentos de grande movimento e da redução de velocidade máxima para o padrão de 50 km/h nas vias arteriais. Também foram revitalizados os semáforos de 4.537 cruzamentos na cidade. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários do sistema viário, buscando a convivência pacífica entre todos.

Alterações no Sistema Viário

Avenida Rebouças - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre a Avenida Eusébio Matoso e a Rua da Consolação (trecho com 3,3 km de extensão);

Avenida Eusébio Matoso - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre as avenidas Professor Francisco Morato e Rebouças (trecho com 1,0 km de extensão);

Túnel Fernando Vieira de Melo - Regulamentação de velocidade máxima de 50 km/h entre as avenidas Eusébio Matoso e Rebouças (trecho com 0,7 km de extensão);

A Engenharia de Campo da CET vai acompanhar o desempenho da nova medida e orientar o tráfego na região.