sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Programa de Segurança Viária - CET implanta nova sinalização viária na região do Jaraguá

A CET vai implantar, na segunda-feira (16/02), nova sinalização viária, com implantação de faixas de pedestres e de balizamento veicular, no entorno de área escolar, nas ruas Friedrich Von Voith, James Petersen, Jair Rosa Pinto e Doutor Pedro Luís Napoleão Chernoviz, na região do Jaraguá, Zona Norte.

Além disso, será feita ainda manutenção na sinalização de estacionamento regulamentado e rebaixamento de guias para melhorar a acessibilidade de pessoas com necessidades especiais.
No trabalho serão utilizados 250 m² de sinalização horizontal, 42 tachões para canalização do tráfego, 21 placas de sinalização vertical, além do rebaixamento de 20 guias e calçadas.

A ação está inserida no Programa de Segurança Viária (PSV) desenvolvido pela atual gestão para melhorar as condições de segurança dessas vias, sobretudo dos pedestres, através da redução da velocidade veicular e ordenamento do direito de passagem nos cruzamentos. O objetivo é permitir uma relação mais pacífica entre os usuários e a consequente diminuição do número de acidentes e vítimas.

Vale destacar que as equipes operacionais da CET farão o acompanhamento das intervenções com o intuito de orientar os usuários. A equipe de segurança, por sua vez, fará o monitoramento dos acidentes nestas vias para avaliar os resultados das intervenções.



terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Rodízio suspenso durante o Carnaval

A Operação Horário de Pico (Rodízio Municipal de Veículos) será suspensa nesta segunda (16/02), terça (17/02) e quarta-feira (18/02), em razão do Feriado de Carnaval.

Vale lembrar que a operação restringe a circulação de veículos no Anel Viário da Cidade nos períodos da manhã, das 7h00 às 10h00, e da tarde, das 17h00 às 20h00.

A Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC), a Zona Máxima de Restrição de Fretados (ZMRF) e o Rodízio para Veículos Pesados (Caminhões) vigoram normalmente.  

Transitar em locais e horários não permitidos pela regulamentação prevista no Código de Trânsito Brasileiro implica  infração de trânsito de nível médio, resultando em multa no valor de R$ 85,13 e acréscimo de 4 pontos no prontuário.

Os motoristas que transitam com caminhões em horários e locais não permitidos pela regulamentação também cometem infração de trânsito de nível médio R$ 85,13) e acréscimo de 4 pontos no prontuário do motorista.

A Operação Horário de Pico volta a funcionar normalmente na quinta-feira (19/02).

Clique aqui para mais informações sobre o funcionamento do Rodízio Municipal.


Ponte Jânio Quadros ganha ciclovia de 600 metros

Prefeitura entrega quarta ciclovia em pontes da cidade e amplia conexão com a Zona Norte

Foi entregue na segunda-feira (9) um novo trecho de ciclovia com 0,6 km na Ponte Jânio Quadros, ligação do Centro e Zona Leste, com a Zona Norte da cidade.

O percurso bidirecional está implantado no canteiro central da ponte e, futuramente, fara a conexão com a ciclovia da Avenida Guilherme Cotching, e a ciclovia em estudo na Rua Jequitinhonha. A cidade passa a contar com 233,1 km de vias destinadas aos ciclistas.

Ciclovia Ponte Jânio Quadros


Do total de ciclovias existentes na cidade, foram implantados 170,1 km desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 63 km. A meta da Prefeitura é viabilizar uma malha de 400 km até o fim de 2015.

A travessia de ciclistas em pontes e viadutos sobre as Marginais dos rios Tietê e Pinheiros vem sendo objeto de atenção especial pela SMT/CET. No início de Outubro, a pasta apresentou a proposta de construção de ciclovias e ciclopassarelas para 12 das 28 pontes existentes nas Marginais.

Ciclovia com 2,1 km é ativada na Avenida Aguiar da Beira, na Zona Leste

Na segunda-feira (9) foi entregue um novo trecho de ciclovia com 2,1 km de extensão, na região do Aricanduva, Zona Leste da cidade. A ciclovia está localizada na Avenida Aguiar da Beira, entre a Avenida Barreira Grande e a Rua Rego Barros.

A cidade conta agora com 233,1 km de vias destinadas aos ciclistas. Do total de ciclovias existentes na cidade foram implantados 170,1 km, desde junho de 2014. Antes, São Paulo possuía 63 km. A meta da Prefeitura é viabilizar uma malha de 400 km até o fim de 2015.

O traçado da ciclovia é unidirecional, ao lado do canteiro central, entre a Avenida Barreira Grande e a Rua Rego Barros. Há focos semáforicos para travessia de pedestres em frente ao CEU Formosa e ETEC Parque Santo Eduardo.

Ciclovia na Avenida Aguiar Beira

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Operação Dá Licença para o Ônibus - Faixa exclusiva na Avenida Prof. Luiz I. de Anhaia Mello, a partir desta segunda-feira (9)


A partir desta segunda-feira, (9), a Avenida Luiz I. de Anhaia Mello, no trecho entre a Rua Francisco Fett e a Avenida Dr. Frederico Martins da Costa Carvalho, Zona Leste da cidade, terá 4,0 km de faixa exclusiva à direita para ônibus. A nova faixa funcionará de segunda a sexta-feira, das 6h00 às 9h00, no sentido centro, e, das 17h00 às 20 horas, no sentido bairro.

faixa exclusiva para ônibus da Avenida Prof. Luiz I. de Anhaia Mello

A ativação está inserida na Operação Dá Licença Para o Ônibus, cujo objetivo é priorizar a circulação do transporte coletivo, contribuindo para a melhoria do desempenho dos ônibus nos corredores. Com isto, busca-se a redução dos tempos de viagens com padrões de eficiência, conforto e segurança para os usuários do transporte público.

Com esta implantação, a partir de 09/02, a malha de faixas exclusivas chegará aos 468,6 km.

População Beneficiada 
Pela Avenida Luiz Ignácio de Anhaia Mello, no trecho de implantação, circulam 08 linhas, numa frequência de 45 ônibus/hora, que transportam 49 mil pessoas por dia, em média. 

Alterações no Sistema Viário 
Não está prevista nenhuma alteração na circulação do tráfego em função da implantação da faixa exclusiva. 

Fiscalização
A ativação da nova faixa exclusiva terá um período de adaptação, quando os agentes de trânsito irão orientar os motoristas para não invadirem o espaço nos horários definidos para a exclusividade dos ônibus. Daqui a duas semanas, a partir de 23/02, a fiscalização será intensificada na via.

Independente disso, a orientação é para que todos os motoristas respeitem a faixa exclusiva desde o início da implantação da mesma. 

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transitar na faixa exclusiva à direita de ônibus é uma infração leve, com perda de três pontos na carteira e multa de R$ 53,20.

Projeto Centro Aberto - Rua Xavier de Toledo x Viaduto do Chá recebe Faixa de Pedestres Diagonal (em "X"), a partir de hoje (9)

Em continuidade às ações voltadas ao aumento da segurança do sistema viário, a Secretaria Municipal de Transportes, através da Companhia de Engenharia de Tráfego - CET, ativa, a partir desta segunda-feira (9), travessia de pedestres nas diagonais do cruzamento da Rua Xavier de Toledo com o Viaduto do Chá.

 Este é o terceiro endereço no Centro da Cidade a receber a sinalização diferenciada. Modelo é baseado em prática utilizada em Tóquio e visa dar mais segurança aos pedestres.

A iniciativa está integrada ao Projeto Centro Aberto, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (SMDU) que prevê, entre outras ações, qualificar os espaços físicos, promover atrações culturais nas ruas, bem como otimizar e qualificar ações de proteção e priorização de pedestres e ciclistas na Região Central.

Esta faixa de pedestres em “X” visa facilitar a vida dos pedestres que, ao invés de efetuarem a travessia em duas etapas distintas (uma via por vez), para atingir a esquina oposta, poderão fazê-lo em uma única vez, conforme croqui abaixo.

croqui de faixa em diagonal da Rua Cel. Xavier de Toledo com o Viaduto do Chá

A pesquisa de contagem de travessia de pedestres realizada no cruzamento apresenta uma estimativa do volume de pedestres no horário de maior movimento nos três períodos (manhã, entre picos e tarde). Foram 3.000, 4.400 e 6.800 pessoas/hora, respectivamente.

Placa educativa informando como interpretar e utilizar corretamente o semáforo para pedestre na  travessia em diagonalCom base nesses dados, o cruzamento foi contemplado com a implantação das novas faixas de pedestres, novas placas educativas criadas para informar a permissão da travessia na diagonal, sinalização semafórica de pedestres para atender a nova situação e propiciar tempo de travessia segura (10 segundos de verde acrescidos de 21 segundos de vermelho piscante). Veja ao lado ilustração desta nova sinalização.

O tempo médio de travessia que, em duas etapas, é de 135 segundos; na diagonal, cai para 73 segundos. Um ganho de 62 segundos para os usuários que desejem alcançar as calçadas das diagonais.

Em 08 de dezembro, foi implantada a primeira travessia em “x” do país no cruzamento das ruas Riachuelo e Cristovão Colombo, a partir da qual foram estabelecidos parâmetros e feitas as devidas avaliações. Em 26 de janeiro, o cruzamento das avenidas Ipiranga e São João foi o segundo a receber a novidade.

Equipes da CET farão o acompanhamento das intervenções para garantir a segurança e a orientação aos transeuntes e motoristas.