sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Operação Dá Licença para o Ônibus – Eixo Norte Sul ganha mais 500 metros de faixa exclusiva a partir desta segunda-feira, 20/10



A partir desta segunda-feira (20/10), a CET e a SPTrans implantam mais 500 metros de faixa exclusiva à direita para ônibus no Eixo Norte Sul: o novo trecho vai operar nas avenidas 23 de Maio e Washington Luís, que compõem o referido Eixo junto com outras vias, da seguinte forma:

-Na Avenida 23 de Maio, no sentido Centro, no trecho entre 50 metros antes da Rua Dr. Astolfo Araújo até a Rua Victor Brecheret;
-Na Av. Washington Luís, no sentido Centro, entre a alça de saída para a Avenida dos Bandeirantes até a Av. Miruna.

Os coletivos terão prioridade pela nova faixa de segunda à sexta-feira, das 6 às 22 horas. A ativação está inserida na Operação Dá Licença Para o Ônibus.


 Alterações no sistema viário
 Não está prevista nenhuma alteração na circulação do tráfego em função da implantação da faixa exclusiva.                                                                    

População beneficiada
Na Av. Washington Luís, no trecho desta implantação, trafegam 19 linhas municipais de ônibus, realizando em média 189 mil viagens de passageiros por dia útil de operação. A frequência média no horário de pico é de 123 ônibus/hora.
Na Avenida 23 de Maio, no trecho desta ativação, circulam 25 linhas municipais, realizando em média 260 mil viagens de passageiros por dia útil de operação. A frequência média no horário de pico é de 168 ônibus/hora.

Fiscalização
A ativação terá um período de adaptação, quando os agentes de trânsito irão orientar os motoristas para não invadirem o espaço nos horários definidos para a exclusividade dos ônibus. A partir de 3/11, a fiscalização será intensificada na via.
Independente disso, a orientação é para que todos os motoristas respeitem a faixa exclusiva desde o início da implantação da mesma.
De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), transitar na faixa exclusiva à direita de ônibus é uma infração leve, com perda de três pontos na carteira e multa de R$ 53,20.

Faixa exclusiva para ônibus na Avenida 23 de Maio


Faixa exclusiva para ônibus na Avenida Washington Luís






quinta-feira, 16 de outubro de 2014

A 8ª edição do programa CET no Seu Bairro será realizada de 20 a 24 de outubro


Logotipo CET no seu BairroA oitava edição do programa CET no Seu Bairro acontece na semana de 20 e 24 de outubro em mais sete bairros da Capital. As bases itinerantes do programa estarão disponíveis para atendimento às demandas da população de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas.

O programa contempla a manutenção/implantação de sinalização viária (vertical e horizontal), recuperação de semáforos e revitalização de abrigos/totens de ônibus, bem como eventos gratuitos com ênfase na Educação de Trânsito.

Por mês, sete regiões são atendidas, totalizando até o momento 49 regiões contempladas desde o início do Programa.

Nesta edição, serão contemplados os seguintes bairros:

1)   Jardim Brasil/Terminal de Cargas- região Centro Norte (Subprefeitura de Vila Maria/Vila Guilherme)
2)   Vila Campestre- região sul (Subprefeitura do Jabaquara)
3)   Jardim Aurélio/Jd Ipê/Parque Sonia/Jd. Rosana- região oeste (Subprefeitura de Campo Limpo)
4)   Jardim Clíper- região sudoeste (Subprefeitura de Capela do Socorro)
5)   Jardim São Paulo- região Leste (Subprefeitura de Guaianases)
6)   Cidade Líder - região sudeste (Subprefeitura Itaquera)
7)   Jardim Britânia/Morro Doce- região noroeste (Subprefeitura Perus)

Clique aqui para mais informações


Proteção à Vida - CET implanta Programa de Redução de Velocidade na Avenida Ibirapuera


A ação visa aumentar a segurança para usuários e incentivar o melhor compartilhamento do espaço urbano.
A CET irá implantar na segunda-feira (20/10) o Programa de Redução de Velocidade na Avenida Ibirapuera, onde será regulamentada a velocidade máxima de 50 km/h. Atualmente, a velocidade máxima permitida é de 60 km/h.

Logotipo Programa de Proteção à Vida (PPV)A medida está inserida no plano de redução de acidentes viários do Programa de Proteção à Vida. Com isso, pretende-se melhorar a segurança dos usuários mais vulneráveis do sistema viário, pedestres e ciclistas, buscando a convivência pacífica e a redução de acidentes e atropelamentos na área.

A medida é importante pois a referida avenida possui tráfego intenso e concentra grande volume de pedestres devido ao Corredor de Ônibus e ao comércio local, sendo ainda cortada por ciclovias existentes nas avenidas Rouxinol/Aratãs e Pavão/Iraí. Desta forma, velocidades menores são necessárias para promover condições seguras e confortáveis de circulação a tais usuários, que ainda representam o maior número de vítimas no trânsito em São Paulo.

Para implantação do Programa de Redução de Velocidade nestas avenidas serão utilizadas 59 novas placas de sinalização vertical de regulamentação e advertência, além de faixas de vinil nos principais acessos, alertando os motoristas quanto à mudança.


segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Abastecimento noturno: conheça o projeto piloto e saiba como ele pode ajudar a cidade

captura de tela Abastecimento Noturno em SP
A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Transportes e da CET, juntamente com empresas transportadoras e orgãos de representação, vem buscando alternativas para o abastecimento do comércio com menor impacto ao trânsito da cidade. Nesse contexto está inserido o projeto piloto que irá nortear as medidas a serem adotadas no futuro para entrega noturna.

Veja a apresentação deste projeto

Novas ciclovias chegam às zonas Leste e Noroeste


No domingo (12 ) foram entregues dois novos percursos cicloviários que, juntos, somam 7,3 novos quilômetros de ciclovias, totalizando 91,1 km de vias cicláveis que vêm sendo inaugurados desde junho deste ano. Antes havia 63 km de ciclovias e a meta da Prefeitura e da SMT é viabilizar uma malha de 400 km até o fim de 2016.

Zona Leste
Ativada desde domingo (12), o primeiro trecho da Ciclovia do Jardim Helena, na Zona Leste da cidade, com 3,7 km, passa pelas ruas Cardon e Criúva bem como pelas avenidas Moacir Dantas Itapicuru e Dep. Dr. José de Aristodemo Pinotti. O percurso todo terá 11,9 km, ligando as regiões do Jardim Helena e São Miguel Paulista.

A ciclovia desta primeira fase é bidirecional, ocupando parte da calçada, no trecho formado pelas ruas Cardon e Criúva. Nessas vias, a calçada foi alargada para a implantação da ciclovia, em obra executada pela Subprefeitura de São Miguel Paulista.

No trecho da Avenida Moacir Dantas Itapicuru, a faixa exclusiva para bicicletas é bidirecional sobre a pista. Já na parte da Avenida Deputado Dr. José de Aristodemo Pinotti a ciclovia é unidirecional, junto ao canteiro central, em ambos os lados. O novo ramal segue o seguinte trajeto: Rua Cardon, entre as ruas Suzana e Criúva; Rua Criúva, entre a Rua Cardon e a Avenida Nordestina; Avenida Moacir Dantas Itapicuru, entre as avenidas Nordestina e Deputado Dr. José de Aristodemo Pinotti; Avenida Deputado Dr. José de Aristodemo Pinotti, entre as avenidas Moacir Dantas Itapicuru e Marechal Tito.

Segundo dados da pesquisa Origem/Destino do Metrô realizada em 2007, o Jardim Helena possui o maior número de usuários de bicicleta do município. A integração intermodal com o sistema metroferroviário é uma forte característica da região, já que o deslocamento para o trabalho aparece como um dos principais motivos das viagens realizadas.

"O objetivo é atender a demanda da população local, além de aumentar as condições de segurança dos usuários de bicicleta, propiciar a facilidade de locomoção, garantindo acessibilidade ao sistema de transporte coletivo e valorizar o espaço público das pessoas", afirmou o secretário de transportes Jilmar Tatto.

Ciclovia do Jardim Helena


Zona Noroeste
Desde domingo (12) moradores da região do Jaraguá, na Zona Noroeste da cidade, ganharam uma nova alternativa de transporte e lazer com a ciclovia de 3,6 km de extensão total. O percurso que vai circundar o Parque Pinheirinho d´Água será bidirecional sinalizado junto à guia, à direita do sentido do tráfego, passando pelas seguintes vias: 
  • Av. Amador Aguiar;
  • Av. Nelson Palma Travassos;
  • Rua Prof. Onésimo Silveira;
  • Rua Jairo de Almeida Machado;
  • Av. Prof. Miguel Franchini Netto.


O projeto inclui a criação de travessias rodocicloviárias nos seguintes cruzamentos:
  • Av. Nelson Palma Travassos x R. Prof. Afonso José Fioravanti;
  • Av. Amador Aguiar x R. Prof. Onésimo Silveira;
  • Av. Amador Aguiar x Av. Prof. Miguel Franchini Netto.



Operação Dá Licença para o Ônibus – Rua Tuiutí, no Tatuapé, terá faixa exclusiva a partir desta segunda-feira, 13/10


A CET e a SPTrans implantam 700 metros de faixa exclusiva à direita para ônibus na Rua Tuiutí, no trecho entre a Rua Margarida de Lima e a Rua Catiguá, no bairro do Tatuapé, Zona Leste da cidade a partir desta segunda-feira. A nova faixa vai operar no sentido Marginal Tietê/Rua Catiguá, de segunda à sexta feira das 17 às 20 horas.

A ativação está inserida na Operação Dá Licença Para o Ônibus, cujo objetivo é priorizar a circulação do transporte coletivo, contribuindo para a melhoria do desempenho dos ônibus nos corredores. Com isto, busca-se a redução dos tempos de viagens com padrões de eficiência, conforto e segurança para os usuários do transporte público.
Com estes 700 metros, a malha viabilizada pela atual gestão chegará a 360,3 km de faixas exclusivas para ônibus na capital paulista.


Faixa exclusiva para ônibus na Rua Tuiutí